quarta-feira, 18 de abril de 2012

Mais um surto psicótico da Natalie Portman?



O JN diz-nos que:

"Um homem, de 37 anos, afogou-se num lago nos arredores de Chicago, nos Estados Unidos, depois de ter sido atacado por um cisne. (...) Um dos cisnes atacou a embarcação, fazendo com que Anthony caísse à água, contou o xerife Tom Dart à BBC. O homem tentou nadar até às margens, mas testemunhas contaram às autoridades que o animal o impediu, colocando-se sempre à sua frente. Anthony acabou por afogar-se."

Isto anda muito mal parado quando os animais que a Disney nos deu como "fofinhos e lindinhos" andam por aí a assassinar pessoas. Não bastava o animal ter atirado o homem à água... nããããão. Tinha que colocar-se à frente dele e não o deixar chegar à margem. Muito bonito da sua parte senhor cisne. Considerando que se encontra nos EUA, arrisca-se a ser condenado à pena de morte e virar arroz de pato. Mas tudo bem.

Esta coisa dos cisnes nunca mais foi a mesma coisa desde que a Natalie Portman deu uma de Leopoldina gótica. Até essa data os cisnes eram uma coisa fofinha, simbolizavam o romantismo (na Cinderela aparecem cisnes quando ela está na ponte com o Príncipe. É romântico, 'tá?!). Parece-me portanto que os mesmos conseguiram aceder ao filme e desde então que andam por aí a germinar ideais homicidas, em forma de culto demoníaco. Assim sendo, aconselho-vos a evitarem parques e demais sítios povoados pela espécie. Morrer é chato, mas pior é "no além" confrontarem-se com os demais e dizerem que foram deliberadamente assassinados por um cisne. É triste.

3 comentários:

S* disse...

Quer-me parecer que arroz de cisne, em vez de arroz de pato, é boa opção.

Corset disse...

e achas mesmo que os americanos vão fazer a diferença? É tudo igual xD

Roxanne disse...

arroz de cisne é pra lá de chique! :P