domingo, 25 de abril de 2010

O meu jeito.


"Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas não esqueço que a minha vida é a maior empresa do mundo e que posso evitar que ela vá à falência. Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de ser vítima dos problemas e tornar-se um autor da própria história. É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis no recôndito da sua alma. É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo. É ter coragem para ouvir um "não". É ter segurança para receber uma crítica, mesmo que injusta. Pedras no caminho? Guardo todas, um dia vou construir um castelo!" 
Fernando Pessoa

Sinto-me no topo do mundo meus queridos (e minhas queridas). E acreditem que não me têm acontecido coisas "fofinhas". Mas a partir do momento em que - ainda assim - encaro o mundo de cabeça erguida, boa disposição e sorriso confiante... nada me pára =)

13 comentários:

cereja disse...

E assim é que deve ser! Sempre de cabeça erguida :)

Miss Apuros disse...

Tenho que ganhar força para erguer a minha também, não tem estado facil :s. Continua assim. Bjinhos*

Tinkerbell disse...

Quando se enfrentam as coisas "menos fofinhas" de cabeça erguida, e confiança as coisas tornam-se mais fáceis! Continua assim, que é assim que deve ser! :)

bjnho*

S* disse...

Arranjam-se forças sabe~se lá onde... ;) Beijo linda *

S* disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Wolve disse...

força nisso, e que o teu exemplo (me) inspire muitos!

Bailarina disse...

Esse Senho tinha um poder imenso de escrita... de passar para o papel o que vai dentro de nós... 8)
Ainda bem, que estás numa boa faze...
Bjinho*

Petra Pink disse...

q bom corset!
e é maravilhosos quando nos sentimos assim!

Kikas disse...

pedras no caminho? guardo-as todas, um dia ficas sem janelas ;)

agora fora de brincadeira.. esse é que é o segredo! se não fosse assim, acho que muita gente não aguentava mais o modo como isto está.

Anira the Cat disse...

Cabeça erguida....e em frente! Muitas vezes só descobrimos o nosso valor perante as adversidades...

Bjokas

Vera disse...

Gosto bastante da mensagem desse texto, mas já perdi uma aposta à custa dele: não é de Fernando Pessoa...

Vê aqui: http://provedorpublico.blogspot.com/2007/05/fernando-pessoa.html

Ana 100 Sentidos disse...

Querida Corset:
Não te quero tirar do topo do mundo, mas o poema não é de Pessoa!
Basta procurar no Google a polémica que aparece tudo explicadinho!

R* disse...

É de August Cury só a última frase é de Pessoa :)