segunda-feira, 22 de março de 2010

Quem sai aos seus, não degenera.

O meu avô embebedava-se todos os fins de semana ao som de Tino Rossi e dizia: "este gajo tem uma voz do C******".


Quanto a mim, estou mesmo a imaginar-me, velha e raquítica, sozinha numa mesa com uma toalha de xadrez vermelho e branco, a ouvir a grande Amália Rodrigues e a dizer "esta gaja tinha uma voz do C******".

 
Porque é o meu preferido :)

Se canto
Não sei o que canto
Misto de ventura
Saudade, ternura e talvez amor
Mas sei que cantando
Sinto o mesmo quando,
Se tem um desgosto
E o pranto no rosto
Nos deixa melhor

6 comentários:

Susaninha disse...

EU IMAGINO-TE EM CIAM DE UMA COLUNA A CURTIT MILHOES....
Essa é que essa:)
Eu tenho visão raio x:)

Bailarina disse...

E também te vais embebedar?! 8)
Bjinho*

Kikas disse...

pronto.. nós arranjamos o bagacinho!

Corset disse...

bagaço não.. mas uma sangria xD

silk disse...

ai a nossa Amália...

Petra Pink disse...

e uma garrafa de vinho do porto a acompanhar!
fica bem borracha mulher.